Para armazenar criptomoedas precisamos de algo a que chamamos de carteiras.

Neste artigo, partilharemos as informações mais importantes e elementares que deves saber para entender o que são as carteiras e como funcionam.

Informações essenciais sobre uma carteira

Wallet em inglês significa “Carteira” e tem muitas semelhanças com o que seria a conta corrente do nosso banco. A diferença em relação a uma conta bancária é que, com uma carteira, temos o controlo total das criptomoedas que mantemos e podemos enviar e receber dinheiro livremente, de forma autônoma e sem intermediários.

Resumindo: as carteiras são programas de computador muito básicos que te permitem proteger os teus bitcoins ou outras criptomoedas e, além disso, conecta-se com a rede Bitcoin através da Internet para autorizar uma transação monetária.

Provavelmente já sabes, Bitcoin e outras criptomoedas são baseadas (como o nome sugere) em criptografia. Na era digital, este campo preocupa-se em alcançar padrões inquebráveis para a criptografia de comunicações feitas através de equipamentos de informática. A Bitcoin utiliza protocolos e algoritmos já estabelecidos e reconhecidos internacionalmente para a criptografia de informações. Não precisas de conhecer os grandes detalhes técnicos para lidar com uma carteira, mas achamos que é importante teres essas informações para entender a tecnologia Bitcoin da melhor forma possível.

Em relação a tudo isto, é essencial saber que para a proteção, custódia e transação dos bitcoins precisas de duas chaves exclusivas que a tua carteira irá gerar de forma aleatória e automática:

-Chave pública
-Chave privada

A chave pública tem a propriedade de ser um endereço que podemos partilhar com quem quisermos e nos permite receber moedas. Podemos comparar a chave pública com o número da sua conta bancária: qualquer pessoa que a possua pode enviar-te dinheiro, mas não pode aceder aos teus fundos.

Mas a chave pública depende da chave privada. A chave privada é uma senha que nunca devemos partilhar, pois dá acesso total às criptomoedas armazenadas.

Podemos comparar a chave privada com a tua senha para aceder à tua conta bancária ou o teu PIN de cartão de crédito: se alguém os tivesse, eles poderiam aceder as fundos da tua carteira.

Quando tens as duas chaves, não importa se o teu computador avaria, se o teu telefone cai ao mar e entra em curto-circuito ou o teu tablet deixa de funcionar … Só precisas de instalar o programa ou aplicativo (carteira) novamente num novo telemóvel ou computador e Restaurar a tua conta digitando a tua chave privada.

É importante destacar que usamos um aplicativo de carteira para gerar um ou vários endereços de bitcoin para enviar e receber dinheiro. Por isso que é vital que entendas que uma carteira Bitcoin pode conter vários endereços da tua propriedade.

Wallet Electrum - Direcciones

Endereços gerados na Carteira Electrum

A semente ou seed

As chaves pública e privada consistem em uma série de caracteres alfanuméricos difíceis de memorizar. Uma melhoria interessante que foi feita na Bitcoin para melhorar este aspeto foi implementar uma semente ou seed.

O que é isto?

A seed ou semente é uma série de palavras (geralmente 12, mas podem ser mais) que, quando introduzidas na ordem correta dentro de uma carteira, restauram um endereço ou uma série de endereços associados a essa seed ou semente.
Em resumo, a seed ou semente é uma forma de codificação padrão das chaves da tua carteira para ser recordada de uma forma mais amigável.

Wallet Seed

Seed (semente) de 12 palavras geradas pela carteira Electrum

Tipos de Wallets

Além disso, podemos distinguir entre dois grandes tipos de carteiras:

-Hot Wallets
-Cold Wallets

As Hot Wallets (ou carteiras quentes) são aquelas que estão sempre on-line, estão sempre conectadas à blockchain pela Internet e a um dispositivo eletrônico.

As Cold Wallets ou carteiras frias são aquelas que não estão conectadas à Internet e, tão pouco, à rede blockchain.

As Cold Wallets são usadas para proteger fundos que não se querem mover de uma vez ou simplesmente não se querem colocar em risco. É uma maneira de evitar ataques, envios acidentais ou errados, formatos de computador sem backup….

Tipos de Hot Wallets

  • Online: São as carteiras que oferecem algumas páginas da web para armazenar as nossas criptomoedas. Com esta opção, muitas vezes estamos delegando a custódia da chave privada a estas empresas e dependerá da segurança e seriedade das mesmas, de que os nossos fundos estejam seguros.
  • Computador: A maioria das criptomoedas oferece o seu próprio software que funciona como uma carteira. Com este tipo de carteiras, toda a responsabilidade pela custódia dos fundos cabe ao usuário.
  • Smartphone: Existem muitas aplicações para smartphones que funcionam como uma carteira e permitem que faças pagamentos em estabelecimentos que permitem pagar com criptomoedas. Também devemos nos certificar de que guardamos bem a chave privada.

Tipos de Cold Wallets

  • Físicas: São geralmente drives USB especiais para armazenar criptomoedas. Os mais populares são os desenvolvidos pela Ledger, que nos garantem que as nossas moedas estão seguras, já que além da chave privada, permitem-nos programar um PIN para garantir que ninguém esteja autorizado, a aceder às moedas.
  • Papel: Estas geralmente ocorrem em caixas eletrônicos que permitem a troca de moeda fiduciária por criptomoedas. Geralmente carregam um código QR ou código, para aceder às moedas, seja por smartphone ou computador. Leia sobre carteiras de papel (Paper Wallet)

Wallets Recomendadas para Bitcoin (BTC)

Atualmente existem mais carteiras que dias no calendário, mas no momento da verdade na Bit2me recomendamos as seguintes. Cada um é livre para escolher a carteira que deseja para gerir as suas criptomoedas. Esta informação é um conselho, em nenhum caso, um imperativo para usar apenas as seguintes carteiras:

Online / Web

-BitGo: Provavelmente a melhor carteira online que existe. Intuitiva, clara e completamente funcional.
-Blockchain.com: Empresa pioneira e solvente. É segura e válida para armazenar os teus bitcoins na nuvem.

Computador

-Electrum: Uma carteira que tem demonstrado há anos como a carteira mais solvente, completa e segura que podemos instalar no nosso computador.

Smartphone

-Electrum: O mesmo que a sua versão desktop (computador). Um aplicativo seguro e eficaz com suporte continuamente atualizado.
-Mycelium: Uma alternativa segura e funcional para a carteira móvel da Electrum.

Hardware Wallet (físico)

-Trezor: Dispositivo eletrónico físico para proteger e gerires as tuas transações.
-Ledger: Como a Trezor, Ledger é uma marca de alta confiança e valor dentro do mundo Bitcoin.
-KeepKey: É a terceira marca de carteiras do mercado de hardware e é a atual concorrência real de Trezor e Ledger.

SE QUERES SABER COMO PROTEGER OS TEUS BITCOINS, CLIQUE AQUI

.

Este articulo foi util?
Average Scoring: 0
➜ Share the knowledge and promote the decentralized revolution!